Escolinha dos gêmeos – Pedagogia Waldorf

0
133

A escolha da primeira escola de nosso filhos é algo difícil, complicado e que devemos ter muita atenção mesmo.

Lembro quando comecei a escolher a escola de meus filhos; fui visitar várias escolas e naquele momento queria uma escola que primeiramente tivesse carinho e amor por eles e que eu me sentisse segura. Escolhi uma escola pequena, térrea, próxima a minha casa e com boas recomendações. O que marcou minha escolha foi o cheirinho da comida e a alegria que via nos rostos dos alunos. As “titias”, professoras e proprietárias estão lá há muitos anos e senti o quanto amavam cada criança.

Antes mesmo de colocar eles nesta escola já estudava a pedagogia Waldorf, fui conhecer a única escola deste método em Jundiaí e comecei a participar das palestras que as escola oferece para os pais. Entrei na lista de espera e depois de quase 2 anos apareceu as duas vagas tão esperada! Fomos felizes o tempo que estivemos lá, mas, em outubro de 2017 chegou a hora de seguir novo caminho.

Neste post irei escrever apenas de uma forma geral desta pedagogia, farei outros mais curtos e direcionados para assuntos separados como: brinquedos Waldorf.

A pedagogia Waldorf pode dizer que é também uma filosofia de vida, nada adianta colocar seu filho lá se dentro de sua casa, de seu coração e pensamento não mudar e não colocar em prática, por isso conversamos muito aqui em casa, eu e meu marido deveríamos estar juntos na decisão de várias mudanças.

O alemão e filósofo Rudolf Steiner é o fundador da pedagogia Waldorf e da antroposofia. A pedagogia procura integrar de maneira holística o desenvolvimento físico, espiritual, intelectual e artístico dos alunos. O objetivo é desenvolver indivíduos livres, integrados, socialmente competentes e moralmente responsáveis. As escolas e professores possuem grande autonomia para determinar o currículo, metodologia e governança.

A primeira escola foi criada em 1919 na Alemanha. A base da pedagogia é que o desenvolvimento de cada criança é diferente e assim, o ensino também deve respeitar estas diferenças e características de cada indivíduo.

Um dos vários motivos desta escolha é o objetivo de desenvolver a personalidade de forma equilibrada e integrada que estimula o florescimento na criança e no jovem de: clareza do raciocínio, equilíbrio emocional e iniciativa de ação.

O contato com a natureza é intenso! Na primeira reunião com o professor da sala ele me perguntou se os gêmeos poderiam tomar chuva e eu disse: sim! claro! A escola é uma chácara e assim eles vivem diariamente em contato com as galinhas, galos, subindo em árvores (isso ainda faz meu coração bater + forte quando vejo eles lá em cima rss), vendo as diversas frutas crescendo e comendo estas. A alimentação é super regrada; frutas, cereais e legumes.

Abaixo algumas fotos da escola.

 

♥Galochas que ficam na escola para os dias de chuva

♥Sábado cultural com visitas dos Índios

♥ Lanche – Sempre a disposição inicial dos pratos e copos é em circulo.


♥ Lanche – eles comem legumes no lanche da manhã também.

 

Agora terá mensalmente um post sobre a escola e pedagogia Waldorf; brincadeiras, alimentação, espaço… Espero que gostem!

Dúvidas? me pergunte!

Beijos!

Dani Buiochi

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here